Fabricantes e representantes de marcas do pós-venda reforçam plataforma do expoMECÂNICA

O expoMECÂNICA – 5.º Salão de Equipamentos, Serviços e Peças Auto continua a fornecer indicadores positivos sobre a actual condição do pós-venda automóvel português. Este certame é organizado pela KiKai Eventos que tem vindo a destacar pela qualidade dos salões realizados.

O evento terá lugar na Exponor (Feira Internacional do Porto) entre os dias 20 a 22 de Abril. Apesar de ainda faltarem cinco meses, o ritmo de inscrições de importantes fabricantes e reconhecidos representantes exclusivos de algumas marcas conceituadas do aftermarket do sector no certame, indicam que esta será mais uma edição de sucesso.

A lista de expositores foi reforçada nas últimas semanas com operadores económicos como a Schaeffler, Bosch, Vieira & Freitas, Autozitânia e AutoSilva, sob organização da KiKai Eventos. No que se à área expositiva, o Salão está neste momento 5% acima do espaço total alocado no acontecimento do ano transacto, graças a 127 expositores inscritos até agora – número que deve ser ampliado nos próximos dias das reservas de área feitas por algumas empresas (cerca de 40), o que, a confirmar-se, permitirá ultrapassar o número de expositores da edição de 2017.

José Manuel Costa, director-geral da KiKai, tem por adquirido que a «feira da mão cheia», como designa a edição 5, será provavelmente a melhor de sempre também na componente internacional. Oito empresas estrangeiras já aderiram ao evento e está em fase avançada o contacto organizativo com outras tantas, grande parte delas de Espanha.

Veremos, seguramente, mais agentes do sector a dinamizar acções direccionadas para os actuais e futuros profissionais do mercado de manutenção e reparação.
José Manuel Costa, director-geral da KiKai

«A malha empresarial do sector tem robustecido o expoMECÂNICA de ano para ano e é ela a permitir-nos afirmar que não só estaremos acima de todos os indicadores organizativos em abril próximo, como ultrapassámos já a maioria deles nesta altura, em termos quantitativos e qualitativos», salienta a directora comercial da feira, Sónia Rodrigues.

Num evento maior, a componente de actividades paralelas ganhará, também ela, outra proporção. Com mais empresas e instituições participantes, a organização espera, por isso, ainda maior adesão às iniciativas (gratuitas) de caráter formativo, que têm sido uma das pedras de toque no expoMECÂNICA, desde 2014. Através destas iniciativas a organização têm desenvolvido esforços para captação de mais visitantes, de norte a sul do país e ilhas.

«Veremos, seguramente, mais agentes do sector a dinamizar acções direccionadas para os actuais e futuros profissionais do mercado de manutenção e reparação. E as nossas expectativas apontam para que os painéis registem ainda mais assistência. Inclusive porque, generalizadamente, aguardamos mais visitantes ao Salão», confirma José Manuel Costa.

Mecânica Pós-venda